Dicas para inserir alimentos sólidos na dieta do bebê

4 minutos para ler
Cuidados com Recém NascidosPowered by Rock Convert

Quando o bebê completa seis meses de vida, suas necessidades nutricionais começam a mudar e o leite materno precisa ser complementado por outros alimentos. É justamente nessa fase que surgem as dúvidas e ansiedades das mamães, principalmente sobre como introduzir alimentos sólidos na alimentação do bebê

Por isso, separamos algumas dicas de como se preparar para essa mudança na dieta dos pequenos. Confira a seguir!

Por onde começar?

Muitos pediatras recomendam que a primeira novidade na alimentação do bebê seja feita em forma de suco. No início é comum que ele não aceite com facilidade, mas é preciso insistir. Ofereça uma dose pequena logo após a primeira mamada do dia e opte por frutas naturalmente mais doces, como a laranja lima. Lembre-se de que não há necessidade de acrescentar água ou açúcar e lembre-se de coar o líquido.

Quando o bebê já estiver aceitando bem o suco, inicie a introdução de frutas como lanche da tarde. Banana, pêra e maçã são algumas opções de alimentos sólidos para o bebê, que podem ser oferecidos amassados ou raspados, em pequenas quantidades — que devem ser aumentadas conforme a criança for aceitando os novos alimentos.

Papinhas salgadas

Depois do suco e das frutas, é hora de introduzir as papinhas salgadas na alimentação do baby. Mais uma vez, será preciso ter paciência para que ele se acostume com o gosto e com a consistência dos novos alimentos. Mesmo que o bebê ainda não tenha dentinhos, é importante que ele aprenda a engolir pequenos pedaços e pratique a mastigação. Por isso, prepare esses alimentos amassados e não batidos no liquidificador.

Papinhas para BebêPowered by Rock Convert

As papinhas devem ser preparadas com legumes, verduras, tubérculos, carne (vermelha ou de frango), com muito pouco sal e oferecidas primeiro na hora do almoço e, depois de aceita pelo bebê, pode ser servida também no jantar. Antes de misturar diversos alimentos sólidos, é interessante oferecer um por vez, observando a aceitação de cada um deles e possíveis reações alérgicas.

Apetite do bebê

Você vai notar, aos poucos, que o apetite de seu filho vai mudando a cada refeição. Sendo assim, caso o bebê rejeite algum alimento, tente oferecê-lo novamente após alguns dias. Mesmo se reação for a mesma, não deixe de insistir! A fase de introdução dos alimentos sólidos para o bebê é muito importante para o paladar da criança. Durante esse período, lembre-se de continuar amamentando com uma frequência de, no mínimo, duas vezes ao dia.

Quando o assunto é a alimentação do bebê, tudo deve ser feito de acordo com o ritmo de cada criança. Leia, pesquise, converse com outras mães e peça ajuda ao seu pediatra. Inicie a introdução dos alimentos sólidos da maneira mais confortável para você e o pequenino. Se não der certo na primeira tentativa, não se preocupe: mude e adapte o que for preciso! Mamães sabem seguir seus instintos e logo percebem o que é melhor para o seu filhote.

Mas não se esqueça de que o leite materno deve ser o único alimento dos pequenos durante seus seis primeiros meses de vida! Além de o sistema digestivo do bebê ainda não estar preparado para receber outros alimentos nesse período, o consumo de leite também será importante para minimizar os riscos de reações adversas ou alergias.

Conhece outras dicas para inserir alimentos sólidos na dieta dos bebês? Compartilhe com a gente!

Cuidados com Recém NascidosPowered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário